Desenroladas


Farm e adidas Originals lançam nova estampa inspirada no maracatu

Farm_FW14_Q4_833

Tem tempero nordestino e tropical nas novas estampas da collab Farm + adidas Originals! Essa semana chegam às lojas de todo o Brasil os novos modelos que unem harmoniosamente o estilo das duas marcas. O resultado é apaixonante, repetindo o sucesso das peças anteriores.

Farm_FW14_Q4_172

Uma das principais expressões culturais nordestinas, o Maracatu é o mote criativo da estampa homônima que conta também com os tons do entardecer. Inspirada no artesanato, ela traz o fundo escuro preenchido por flores e frutos em tons vibrantes de amarelo e laranja. Completando o conjunto de flores tropicais, a estampa Jardim Fruta funde a feminilidade e o frenesi num conjunto de tons e formas divertidas, trazendo a Carmen Miranda como protagonista.

Farm_FW14_Q4_335

As peças variam entre leggins, jaquetas e camisetas. Já a linha de acessórios conta com mochilas, bolsas, bonés e os desejados tênis, tudo entre R$ 69,90 e R$ 269,90.

stills

Quer ver tudo de pertinho? Para quem mora aqui em São Paulo, a boa pedida desse sábado (08/11/14) é dar uma passada na loja adidas Originals na Rua Oscar Freire para conferir as novidades, ouvir boa música e ainda curtir uns bons drinks. O evento ocorre das 12h às 18h.

Vamos, sim ou com certeza?

Farm_FW14_Q4_122

adidasOriginals
Rua Oscar Freire, 678
Jardins – São Paulo/SP
www.adidas.com.br/originals

SPFW: Stella McCartney para C&A

 

Como é possível produzir para uma rede de fast fashion apostando em uma abordagem de desaceleração do ritmo da moda? Pois a estilista inglesa Stella McCartney mostrou que dá para criar uma moda duradoura  mesmo numa coleção para uma grande magazine. Em uma coletiva de imprensa em ambiente intimista durante a SPFW, a filha de Paul McCartney comentou sobre a sua segunda parceria com a rede de lojas brasileira.

unnamed (1)

Stella McCartney chegando na coletiva

Stella chegou vestindo uma produção que pode-se dizer ser a sua cara. Usando calça saruel preta, camiseta branca, blazer oversized off white e tênis com plataforma, a estilista posou para fotos e, em seguida, deu início ao bate-papo mediado pela jornalista Maria Prata. Em respostas as primeiras perguntas feitas por Maria, a inglesa destacou sua necessidade pessoal em trazer uma abordagem responsável para a moda. “Quando entrei na moda eu quis ser responsável e ter uma abordagem diferente. Em relação a moda de luxo, por exemplo, eu não trabalho com couro nem pele”, declarou.

unnamed

peças da coleção em exibição durante o evento

 Stella ainda fez questão de mostrar que sua proposta com essa colaboração foi trazer um outro olhar para o fast fashion.  “O que eu faço na moda é sempre de forma responsável e sustentável. Inclusive como eu compro e como eu fabrico. E quando falamos de fast fashion, você pode ficar mais temerosa de ser descartável. Mas aqui demos um ‘break’ nessa proposta, pois as peças que vamos colocar na coleção são peças universais. Estamos falando de luxo por causa do design ou do material, então eu acho que as roupas vão durar mais que o normal do fast-fashion”, comentou. Stella ainda reforçou que o motivo dessa colaboração foi “desacelerar essa moda rápida e ter peças que as pessoas possam ter por muito tempo, sempre trabalhando com tecidos sustentáveis e ‘verdes”.

unnamed (2)

mesa de doces na coletiva

Sobre os detalhes da coleção, McCartney ressaltou o seu olhar sobre o sexy, sempre pincelando elementos mais masculinos com outros bem glamourosos. Esse é o ponto chave das peças criadas para a parceria com a C&A. “Essa mulher sexy tem um toque masculino, não é descaradamente sexy. É isso que quero trazer. Eu sempre trabalho com o masculino e o feminino, vocês percebem isso nessa colaboração. Tem pedraria, brilho, mas pode ter uma camiseta com calça. A androgenia me interessa”, revelou.

As peças chegam nas lojas selecionadas em todo o país no dia 18 de novembro, com cerca de 50 modelos e preços que vão até R$ 349. Ah, e a gente ainda ganhou um mimo para levar conosco.

unnamed (3)

5 curiosidades sobre o desfile de Ronaldo Fraga

O desfile para o qual estávamos mais ansiosas em assistir na SPFW/inv2015 era o de Ronaldo Fraga. As coleções do estilista mineiro costumam carregar histórias e um mundo de referências que vão muito além das tendências internacionais. É moda brasileira que ainda pulsa!

Na passarela, Ronaldo mostrou sua agonia com a verticalização das cidades e falta de conservação  daquilo que torna cada cidade única, transformando todo o Brasil na “Berrini de São Paulo”. Mas, para além do que foi perceptível na passarela, o desfile carregou algumas curiosidades:

1. Cachorro na passarela

000_mvd6645993

 

A cachorrinha que entrou na passarela antes do inicio do desfile se chamava Capitu. Carregando uma sacolinha com a frase “Animal não é grife. Não compre, adote”, ela faz parte do projeto PEA pela adoção de animais. “Soube que no Brasil, além dos cães vira-latas que vivem abandonados, as pessoas estão abandonando os cachorros porque a moda daquela raça passou. É um absurdo!”, declarou o estlista.

2.Maquiagem vermelha

Ronaldo-Fraga-005

A tinta vermelha que deu cor ao corpo e rosto das modelos só chegou um dia antes do desfile. “Começamos a maquiar ao meio dia (a apresentação iniciou  por volta de 15h30) e cada modelo levava cerca de meia hora para ficar pronta”, disse Marcos Costa, o maquiador que assinou a beleza do desfile.

3. A estampa de palhaço

unnamed

A imagem da criança com pintura de palhaço presente nas estampas da coleção são de um grafiteiro mineiro chamado Nilo Zack. “Ele desenha nos muros de prédios que serão derrubados. E o último muro a ir ao chão é o que está com o grafitti”, revelou Ronaldo.

4. Música ao vivo

desfile-ronaldo-fraga-003

O nome da cantora que se apresentou ao vivo é Cida Moreira. Ela já foi definida pela revista Rolling Stone como “Dramática, trágica, lírica. Visceral. Absolutamente teatral”. No repertório para o desfile, músicas como “Geni e o Zepelim”, de Chico Buarque, e “Back to Black”, de Amy Winehouse.

5.Viva a moda brasileira

q98a2684 (2)

Ronaldo mostrou para a jornalista Lillian Pacce o seu emblemático caderno de desenho da coleção. Mas na hora de gravar um video explicando o trabalho, foi interrompido. “Aposto que para a Stella McCartney ela deixou todo o tempo do mundo”, comentou o estilista com a jornalista, aos risos, sobre ela ter perdido seu desfile para entrevistar a estilista inglesa. “Não é nada contra ela (Stella), é em favor da moda brasileira”, ressaltou.